Se você quer começar a empreender e escolheu o meio digital para isso, parabéns, fez uma escolha sábia. Cada dia mais as pessoas estão conectadas e a internet faz parte da rotina de todos.

Utilizamos a internet diariamente para checar mídias sociais, trabalhar remotamente ou fazer compras. E a tendência a comprar pela internet só tem aumentado, pois é muito mais cômodo, prático, seguro, rápido, enfim, mais vantajoso.

É sabido que 71% da população é ativa na internet, ou seja, algo em torno de 150 milhões de brasileiros, o que já mostra que clientes em potencial não faltam, basta só você começar o seu negócio. E falando nisso, vamos ver como começar seu e-commerce?

 

Como abrir uma empresa e-commerce?

Primeiramente, é importante ter um planejamento inicial. Saber em qual nicho você irá atuar, produtos que serão vendidos, qual o seu orçamento inicial, enfim, ter tudo isso em mente é muito importante.

Uma vez que você já tem tudo isso decidido, é hora de buscar um domínio próprio, para dar mais credibilidade para sua loja. Sites como o Uol Host e o GoDaddy oferecem domínios com todos os tipos de extensões. Veja qual extensão tem mais a ver com a sua proposta e com o seu orçamento.

Uma vez que tiver escolhido e comprado seu domínio, é hora de partir para a escolha da plataforma. A plataforma será fundamental na hora de gerir sua loja, pois ela basicamente é a loja.

Atualmente existem diversas opções no mercado de plataformas para e-commerces e o importante é pesquisar bastante para achar uma que atenda suas necessidades. Vamos citar algumas e descrevê-las brevemente

  • NuvemShop: É uma excelente opção para iniciantes pois possui diversas integrações com mídias sociais e marketplaces, possibilitando um fácil aumento nas vendas. Possui um plano inicial cheio de benefícios no valor de R$49,90 mensais.
  • Wix: Foi desenvolvida pensando no público em geral, então desenvolver o layout de sua loja e deixá-la linda é muito fácil. Possui um plano básico a partir de R$29,90 que conta com suporte ao cliente 24 horas por dia.
  • Shopify: Essa é sem dúvida a mais completa de todas. É o melhor serviço da internet para quem quer trabalhar com e-commerce e dropshipping.

Possui uma imensa variedade de softwares que podem ser instalados para deixar sua loja e seu trabalho mais funcionais. Em compensação é a mais cara, com planos a partir de $29,00 por mês, o que custaria hoje R$136,30.

Uma vez que você escolheu a plataforma e já integrou o domínio, agora é só definir o estilo do layout, deixar a página com a cara da marca mesmo, para daí ir preenchendo a loja com as fotos dos produtos, descrições e etc.

Uma dica importante é: Se você não possui CNPJ, considere tirar. Esse documento aumenta sua credibilidade e muitos fornecedores só irão aceitar fazer negócio com você caso você tenha essa documentação.

E é isso, essas foram as dicas de hoje sobre e-commerce!

Se você pretende abrir sua e-commerce e ainda esta perdido, entre em contato conosco.

Até a próxima dica!

×