As lojas virtuais tomaram conta da internet, e hoje é fácil dizer que existem quase tantas lojas online quanto físicas. Dá para encontrar praticamente tudo o que você imagina e ainda um pouco mais.

Com o tempo, a tendência é que a migração deixe a experiência da compra se tornar algo praticamente sempre online. Afinal de contas as vantagens são boas para ambos os lados.

Não me entenda mal, provavelmente as lojas físicas sempre vão existir, mas para produtos e situações bastantes específicas. Afinal de contas, porque você pagaria a comissão de um vendedor se você pode pagar muito mais barato online?

Lojas online oferecem muitas vezes uma maior garantia que as lojas físicas, e praticamente sempre os preços são bastante menores. Claro, ainda estamos sofrendo com o frete, que em algumas ocasiões pode demorar muito.

Mas o fato é que a tendência irá se alastrar ainda mais, principalmente por ser uma opção extremamente mais barata de se manter, que exige menos pessoas envolvidas e que pode atender um maior público.

Talvez você seja uma das pessoas que esteja procurando uma fatia deste mercado. Porém você sabe como fazer loja virtual?

Vou te trazer aqui algumas dicas incríveis que irão te guiar neste processo interessante. Qualquer dúvida sobre o assunto estou à disposição para te ajudar, ok?

Como fazer loja virtual

Antes de mais nada é importante dizer que a loja virtual é site como outro qualquer. Só as suas funcionalidades são diferentes. Ou seja, você começará tendo que escolher um domínio para a sua loja.

Escolha um nome que tenha a ver com o nicho e que seja fácil de se encontrar. Entretanto, é importante ter em mente que existem limitações básicas para o tamanho, e quanto menor, mais fácil de memorizar.

Em segundo lugar, é importante que você tenha um serviço de hospedagem que irá guardar os dados do site e fornecê-los para quem acessar de maneira bem rápida e segura.

Lojas virtuais precisam ter uma resposta rápida para evitar que os clientes desistam da compra.

Após isto você precisa de uma estrutura que seja robusta, personalizável e permita o cadastro de produtos e pagamentos de maneira fácil e direta. Então, o que eu recomendo é utilizar algo como o Magento, que é gratuito, ou mesmo a Shopify, que é paga, mas mais fácil de utilizar.

É importante lembrar que existe sempre a necessidade de personalizar o site com uma identidade visual que seja facilmente reconhecida. Isto faz com que seus clientes tenham certeza de que estão em um site confiável.

Para garantir melhores resultados é importante ter ao seu lado um profissional que trabalhe com Web Design e SEO. Isto faz com que você tenha a possibilidade de garantir resultados incríveis aumentando a taxa de conversões de acessos para venda.

No final você consegue trazer um tráfego maior de possíveis clientes, que é o ponto diferencial de todo este trabalho.

Então é isso, aqui estão as primeiras atividades que você precisa para começar.

Qualquer dúvida estamos à disposição para ajudar, ok?

Até a próxima!