Como configurar servidores Linux? Esta é uma pergunta um tanto quanto complicada de se dizer. Até mesmo pelo fato de que muitos dos que utilizam este tipo de serviço são pessoas extremamente ligadas a técnicas bastante robustas de programação web.

Sendo assim, gostaria de dar algumas orientações básicas do que deve ser feito de maneira a você conseguir dar seus primeiros passos.

Entretanto, o ideal é consultar um profissional experiente.

Seja como for, estou aqui para te ajudar neste processo.

Vamos conferir?

 

Como configurar servidores Linux?

Primeiramente é necessário se registrar no local onde você terá os serviços de VPS necessários para colocar a sua ideia de empreendimento em prática.

Se você está em busca de um servidor dedicado, tudo bem, a maioria dos locais que prestam um serviço como este também entregam este tipo de opção.

A Cloudways é a principal fornecedora de serviços do tipo na minha opinião. Entregando uma estrutura sólida, profissionalismo e muita qualidade de serviço.

Escolha a opção de plano, dentre elas aquela que atenda aos seus requisitos de hardware e banda. Além de, é claro, entregar um suporte de qualidade.

 

Selecione a sua distribuição Linux

Embora estejamos falando de um Servidor Linux, é necessário escolher a distribuição que será utilizada dentro do seu servidor.

Estas distribuições são normalmente específicas para servidores, sendo os destaques mais importantes a Fedora, Arch Linux, Ubuntu, CentOS, Debian e OpenSUSE.

Todas competentes para atender às suas necessidades em geral.

 

Configure o hardware do VPS

Talvez você não queira deixar toda a infraestrutura somente para um servidor. Então é possível utilizar parte do hardware em si. Mas em geral, a divisão é feita considerando o espaço em disco SSD.

Discos de armazenamento HDD são possíveis de se encontrar ainda hoje, mas não recomendo por serem bastante lentos.

 

Defina as configurações do Linux

Agora que o hardware está definido e você escolheu a sua distro, é possível dizer que grande parte do trabalho será voltado à instalação do sistema.

Normalmente você começa escolhendo o tamanho da partição SWAP e também define os dados de configuração para o usuário root do sistema.

Lembrando que após terminar o processo você vai precisar dar o boot no servidor. A partir disto ele estará pronto para entregar as funcionalidades que você vai requisitar, tanto entregando os serviços web que você definir como também outras ações básicas.

Tudo depende do seu objetivo final e de como a hospedagem irá entregar os dados.

 

Considerações finais

Como você pode ver, o processo muitas vezes traz uma dificuldade real de ser implementado por quem é leigo.

Então, se você se sentir meio perdido e desorientado, o melhor a se fazer mesmo é considerar um profissional que faça o trabalho da maneira correta.

Eu estou aqui para te dar o apoio necessário para fazer as suas primeiras tentativas. Além de contar com uma ajuda na construção de sites e sistemas de qualidade.

No mais é isso, se ainda houver qualquer dúvida sobre como configurar servidores Linux, basta entrar em contato, ok?

Até a próxima!